5 forças de Porter que podem fazer o negócio atingir o sucesso

As 5 forças de Porter é uma simples ferramenta para entender as forças, fraquezas e oportunidades de um negócio, gerando graficamente esta análise.

ferramentas

Mais sobre esse material

Entendendo o que são as 5 forças de Porter

As 5 Forças de Porter são uma ferramenta para entender como o seu negócio esta localizado frente a concorrência, e para determinar o potencial para gerar resultados para a organização.

É como se fosse uma radiografia que diz onde o negócio possui forças, quais são suas oportunidades, fraquezas e ameaças que devem ser analisadas para que se possa ter a mais alta lucratividade nos negócios, como por exemplo ter vantagem de localização e entrega frente ao concorrentes.

Vamos avaliar neste artigo estas forças, e também disponibilizar uma planilha para que você possa utilizar esta ferramenta no seu negócio.

Detalhes das 5 Forças de Porter

Professor em Harvard, Michael Porter, em 1979 criou esta análise chamada de “5 Forças de Porter” para avaliar as forças de uma indústria e o potencial de geração de resultados provável, o que levou a ser uma das ferramentas mais usadas no mundo empresarial.

Na realidade Porter teve um olhar diferente do tradicional que somente levava os concorrentes em questão, usando outras variáveis que fatalmente impactariam no negócio, e por consequência nos lucros e resultados.

Vamos entender estas forças:

1. Rivalidade entre os Competidores:

Verifica as forças, o número e a identificação dos concorrentes que impactam diretamente no negócio que esta sendo avaliado.

Quanto não há competitividade acirrada, o negócio pode lucrar muito e não ter momento de estresse, mas por outro lado, quando a situação é inversa e o negócio possui concorrentes altamente competitivos, é preciso criar mecanismos para obter e manter uma fatia do mercado, como preços menores, mais promoções, etc.

2. Poder de Negociação dos Fornecedores:

Nas 5 forças de Porter este poder é avaliado pelo modo com que seus fornecedores sobrem os preços dos produtos ou serviços. Por acaso o produto ou serviço que eles oferecem são únicos? Quão difícil seria alternar de um fornecedor para outro novo?Tem ideia de quantos fornecedores bons você possui hoje?

O número de opções que você pode ter indicará que mais tranquila e barata será a possível mudança de fornecedor. Mas o inverso pode colocar seu negócio numa situação de “refém” e impactar muito nos resultados esperados.

3. Poder dos Clientes:

Neste estágio o que se quer é entender quem são os clientes, necessidades, o volume de compras, quais são os produtos que mais vendem, comparação entre os seus preços e o dos concorrentes e qual o nível de conhecimento dos seus clientes.

Quando você negocia com um público com clientes com mais vivência e conhecimento, estes certamente terão mais poder e sua negociação e estratégias com eles precisam ser bem planejadas. Lembrando que dentro ou fora do contexto das forças de Porter os clientes são peças chaves para toda empresa.

4. Ameaça de Substituição de Produtos:

Aqui estamos tratando de outros produtos incluindo serviços que podem ser oferecidos de uma forma diferenciada pelos concorrentes causando uma limitação nos lucros em qualquer momento da empresa, quer seja no momento de alta como momentos de presumida baixa, pois há mais produtos ofertados.

Esta avaliação precisa ser feita com base nos preços e qualidade praticados pelos concorrentes, e até quanto a empresa pode ou deve baixar os preços. A concorrência é um fator alavancador ou destruidor de negócios quando não levada à sério, sendo que os seguintes aspectos podem pesar na hora do cliente decidir:

  • Qualidade
  • Diferenciais
  • Negociação dos valores
  • Custo vs. Benefício

5. Ameaça de Entrada de Novos Concorrentes

Dentre as 5 forças de porter, a entrada de novos concorrentes é algo comum em negócios, sendo que eles objetivam uma parte do mercado e lucros potenciais.

Em muitos segmentos há uma proteção chamada de barreira tarifária, onde a empresa natural da região tem uma vantagem estratégica contra a entrada de produtos estrangeiros com menor custo e maior qualidade.

O impacto da entrada destes concorrentes pode dizimar empresas como o que aconteceu com muitas do ramo têxtil, que sofreram duramente com a seda importada, obrigando muitos a fechar o negócio.

Abaixo alguns artifícios que protegem negócios da entradas de novos concorrentes:

  • Patentes registradas
  • Capital inicial
  • Escalabilidade do negócio
  • Custo de Armazenagem
  • Meios de Distribuição

Diagrama das Cinco Forças de Porter

As 5 forças de Porter são as mais importantes para mensurar como elas geram pressão dentro de um negócio.

Para usar a ferramenta é recomendável que:

1 – os participantes entendam cada uma das forças, e para cada questão façam um brainstorming para capturar as avaliações.

2- assim que as avaliações estiverem sido definidas para cada questão, o resultado deve ser incluído na coluna AVALIAÇÃO de cada força e questão.

3 – o campo INVERTE tem duas opções que são S para Sim e N para Não. Funciona da seguinte forma: caso haja uma pergunta que quanto mais pior para o negócio, deve-se usar o S (sim). Exemplo: Questão determinante: Perda de mercado para os concorrentes: quanto mais houver deste item, pior será para o negócio.

 

Gráfico explicando as 5 forças de porter

Baixe a planilha para usar e avaliar as 5 forças de Porter!

Conheça mais sobre o Treinamento de Gestão de Pessoashttps://www.gradusct.com.br/treinamentos/gestao-de-pessoas/

Saiba mais emhttps://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/86/86131/tde-23082010-004014/publico/dissertacaoBruno.pdf

Etiqueta de curso que ajuda as 5 forças de porter

1

 

Já possui uma conta? Faça seu Login