Layout de produção: saiba a sua importância em empresas

As empresas buscam inovação, porém a inovação não é sinônimo apenas de abordagem tecnológica digital. Alterar métodos e pensar em novo tipo de layout de produção são bons exemplos de iniciativas inovadoras para a corporação.

Mulher trabalhando em uma linha de produção, a qual se baseia em um Layout de produção

Essas iniciativas ajudam a elevar a produtividade da empresa e otimizar recursos, principalmente, considerando o ambiente produtivo, a linha de produção e equipe envolvida.

Veja a seguir como esse tipo de planejamento físico e ambiental pode ajudar na qualidade e produtividade da empresa.

O que é layout de produção?

A produção transforma ideias, projetos e insumos em produto e ferramentas. O processo de produção pode ser cansativo, pesado ou concentrado, porém a adição de uma nova arquitetura nas instalações do setor produtivo pode gerar ganhos de produção e gerar mais leveza para a equipe.

O layout de produção ajuda a criar novas definições da projeção física de uma determinada instalação de área de produção. Dessa forma, um bom projeto nessa área adapta e melhor utiliza máquinas, equipamentos, mão de obra, áreas de movimentação e estoques de maneira integrada.

Fluxo de materiais e trabalho

Consequentemente, os fluxos de materiais e de trabalho tornam-se mais fluídos e mais leves na fábrica e na linha de produção.

Criando um padrão de tráfego mais acessível para clientes e funcionários no processo de produção de produtos, serviços e até vendas.

Inserindo o projeto

O projeto de estudo do layout de produção é importante em diferentes empresas, independente do tamanho.

Nas empresas onde há movimentação excessiva da matéria  prima, um acúmulo de pessoas, espaços ociosos na área de produção, fluxos cruzados entre uma etapa do processo produtivo e estoques mal localizados, é essencial inserir esse projeto de otimização de espaços.

Até na área de vendas e atendimento é importante para evitar longas filas para o atendimento de clientes.

Pensando dessa forma, todas as empresas podem precisar de inserir esse tipo de projeto.

Quais empresas devem utilizar?

Empresas de diferentes setores, áreas e segmentos podem utilizar o projeto de produção de espaços físicos como: fábricas, lojas, supermercados, bancos, escritórios e clínicas, por exemplo.

Benefícios

Pensar em replanejar o espaço físico produtivo gera bons resultados para a redução de custos e para aumentar a produtividade e eficiência.

Permite criar novos elos de integração de ambientes, facilitando entradas e saídas de materiais, melhorar os fluxos, auxiliar no gerenciamento visual e na supervisão.

Para as empresas que buscam mais qualidade para o trabalho de seus funcionários, permite melhorar a o ambiente de trabalho para os colaboradores.

Também torna o ambiente de trabalho mais valoroso e seguro para todos.

Contexto mercadológico

A busca por força competitiva, ganho de tempo e qualidade pode justificar também a inserção desse tipo de projeto para espaços físicos de produção.

Atualmente, o mercado está muito competitivo. O cliente está cada vez mais exigente e o processo de produção, atendimento e venda precisa estar pronto para atender da melhor forma possível seja externamente quanto internamente, dentro de cada setor das organizações mercadológicas e comerciais.

As empresas visam a redução de custos e aumento da produtividade, fatores que levam os gestores a buscarem novo caminho para gestão e organização dos seus processos produtivos na empresa.

Outros fatores para a implementação

Funcionários realizando a montagens de sanduíches em um Layout de produção

O estudo de layout de produção melhora a empresa internamente e otimiza seus processos de produção para gerar mais ganhos e lucros, fortalecendo a empresa também externamente.

Principalmente, quando a empresa estuda projetos de adaptação e expansão, adição de mais máquinas, contratação de mais pessoas e aumento de linhas de produção e montagem.

Quando uma empresa precisa ampliar o seu espaço de atendimento, sem comprometer as vendas correntes, é necessário repensar os espaços para equilibrar os ritmos de produção e atendimento.

Redefinição de espaços

Essa área de conhecimento pragmático além de ser aplicada para novos negócios e novas empresas, também pode ser inserido em empresas já estabelecidas.

As empresas podem pensar em redefinir seus espaços produtivos. Esse tipo de estudo de arranjo de espaços físicos integra máquinas, equipamentos, mão de obra, áreas de movimentação e estoques buscando a harmonia.

Lembramos que a seleção de um layout correto ajuda na redução de custos e aumento da produtividade. Ajuda a gerar mais lucros, principalmente, em tempos de crise e reordenação de produção na empresa.

Permite identificar as oportunidades de melhoria através da realocação do espaço.

Além de ser implementado em empresas grandes envolvidas com grandes processos, também pode ser inserido numa sala, numa empresa pequena e demais situações.

Esse estudo quando bem aplicado causa importantes melhorias administrativas e produtivas no fluxo interno da empresa e o melhor aproveitamento do espaço disponível.

Ajuda a facilitar o controle e supervisão das atividades, a criar menor perda de tempo com os processos e na facilidade nas entradas e saídas de materiais, estoque e demais objetos.

Relação com o produto

Qual tipo de produto e serviço a empresa produz e comercializa? Para cada tipo de insumo, material, produto e ambiente é necessário criar um estudo de layout específico.

Ressaltamos que é necessário conhecer o produto ou serviço, os processos, a demanda, a movimentação, a quantidade de pessoas circulando no espaço, o fluxo e os estoques necessários para determinado produto e serviço.

Cuidar melhor dos espaços físicos de produção e mantê-los mais seguros é fundamental para enxugar o processo produtivo, eliminando os desperdícios de materiais e produtos.

Para a visão do negócio

Qual a visão do negócio de sua empresa, ser a líder de mercado ou inovar? Melhorar o ambiente de produção e trabalho pode ajudar muito.

O estudo de layout lida como a forma com que os equipamentos estão distribuídos fisicamente ao longo da planta industrial. É basicamente a combinação das características do espaço físico de uma indústria com as forças de trabalho.

Se a empresa, por exemplo, quer ser a mais rápida nas entregas, precisa revisar ou refazer os seus espaços de produção de uma forma urgente. Dando atenção aos equipamentos que estão distribuídos fisicamente ao longo da planta industrial, de produção e vendas.

Erros de layout

Enquanto que um projeto certo gera bons resultados, um projeto mal projetado pode prejudicar o processo produtivo causando…

  • Fluxos longos e confusos na produção;
  • Custos elevados de produção;
  • Maior tempo de fabricação;
  • Atrasos na produção; aumento das chances de acidentes;
  • Aumento de estoque;
  • Desperdício de espaço;
  • Maior complexidade no processo.

O projeto certo

Não existe um único projeto certo, cada tipo de projeto deve ser específico conforme os espaços e as necessidades de cada empresa.

O projeto precisa adaptar da melhor forma possível ao espaço físico disponível, respeitando as normas de segurança no trabalho em máquinas e equipamentos.

Dessa forma o projeto de arranjo do ambiente físico de produção pode ser muito bom para a fabricação de um produto e péssimo para a fabricação de outro.

É importante verificar as melhor maneira de implementação do projeto analisando a economia de movimento, buscando a diminuir as distâncias entre os diversos processos relacionados à fabricação de um produto.

É necessário ficar atento ao processo e sua linearidade, se entre uma operação e outra não existem paradas ou se elas são mínimas para o processo de produção.

Flexibilidade

O projeto de layout de produção pode permitir flexibilidade entre o arranjo de diferentes objetos, instalações e ferramentas. Ressaltando que quanto mais flexível for um layout, melhor para a implementação de novos produtos e novas linhas de trabalho.

Integração

O projeto pode definir espaços de integração, principalmente, com outros departamentos. Em relação ao departamento de manutenção, por exemplo, é importante que a área tenha facilidade para realizar a manutenção no equipamento sem parar a produção.

Tempo

Funcionários trabalhando em um Layout de produção

É importante escolher o layout certo antes da instalação final das máquinas, mobílias e ferramentas. Fazendo desde o começo é o mais certo,  modificá-lo a qualquer momento é um processo muito longo e custoso.

Qualquer alteração lenta ou mal feita pode gerar perdas de produção e qualidade. É indicado utilizar o espaço da fábrica de forma eficiente, pois esse espaço é limitado.

Conclusão

O espaço físico de trabalho é essencial para a empresa praticar suas ações de trabalho com qualidade.

Um dos principais desafios é a utilização de espaço da empresa de forma eficiente, pois esse espaço é limitado para cada etapa de produção e setor.

Realinhar equipamentos e pessoal da maneira correta pode evitar ocorrência de doenças laborais, perda de peças e equipamentos, economia de energia, diminuição de custos e de tempo de produção.

Atualmente, as empresas procuram otimizar os seus processos produtivos e de atendimentos para se reposicionarem no mercado. Porém, todos os esforços em relação ao espaço físico de produção visam fortalecer a linha de produção e criação da corporação.

É fundamental que o projeto de arranjo de espaço físico laboral e produtivo seja correto e coerente do ambiente e necessidades reais da empresa.buscando gerar soluções.

Confira nosso e-book sobre Lean Seis Sigma no setor de serviços e os seus benefícios: https://www.gradusct.com.br/materiais/servicos/

Aprimore suas habilidades com o nosso Treinamento Excel: https://www.gradusct.com.br/treinamentos/excel-basico-ao-excel-intermediario/

Layout de Produção

0

Comente

Seu endereço de e-mail não será publicado.