Entrevista: dicas para você se sair muito bem

A entrevista faz parte de um ciclo comum das empresas, onde estas estão sempre buscando o aumento da lucratividade, com custos reduzidos e com a maior qualidade nos produtos, serviços e, também nos profissionais por meio de entrevistas cada vez mais elaboradas.

Não é de hoje que as empresas estão demandando mais e mais requisitos para o candidato que deseja ingressar nas suas organizações.

E com o mercado atual com mais de 12 milhões de pessoas procurando uma oportunidade de emprego, a concorrência se torna algo muito mais desafiador.

Dentro deste cenário o primeiro passo é conseguir ser chamado para a entrevista, e quando isto acontece não se pode perder a chance de causar uma boa impressão.

Há um dito popular que fala: “Você não tem uma segunda chance de causar uma primeira boa impressão!”.

E é a pura verdade! Sendo assim, reunimos algumas dicas para você se sair muito bem na entrevista do tão desejado emprego:

 

1) Estudar a fundo sobre a empresa

Você precisa conhecer bem a empresa onde deseja trabalhar, pois isto demonstrará que você realmente tem interesse em ser parte efetiva dela. 

As informações que sugerimos que você colete são: nome da empresa, local da sede, ramo de atividade, número de funcionários, nome do presidente (ou CEO), presença em quantos países, visão, missão, valores, cultura, vendas e rentabilidade anuais, concorrentes, notícias recentes, atividades sociais e beneficentes.

Normalmente as entrevistas são feitas nas empresas mesmo, e é bem estratégico você saber quem é o gerente responsável pela unidade em questão.

Quanto mais informação melhor, e 99% delas podem ser obtidas na internet, o resto você pode ligar para a empresa para descobrir.2) 

 

2) Chegue antes da hora marcada e cuide da sua aparência

Algumas vezes você terá a oportunidade de escolher dia e hora para fazer a entrevista, e pela nossa experiência, caso você tenha este privilégio, sugerimos que escolha a sexta-feira parte da manhã entre 9 e 11h da manhã. Por que?!!!! 

Os motivos são psicológicos, pois sexta-feira é um dia “feliz” que antecede um final de semana potencialmente bom.

Quanto ao horário, neste intervalo de 9 às 11h há uma grande probabilidade de o entrevistador estar além de bom humor, pelo que já falamos, estar alerta e mais motivado.

Perto do almoço estará ansioso para sair, e depois do almoço estará pensando no final de semana e/ou mais devagar para reter as informações que você passará.

Esteja no local da entrevista “antes” do horário marcado.

Sugerimos 30 minutos no mínimo para que você tenha tempo de se ambientar antes de entrar para a entrevista.

É muito comum o candidato ficar sentado e nervoso, mas você fará diferente, pois informação é poder, então preste atenção nas pessoas, no ambiente, nas placas, nos banners, como as pessoas se relacionam, etc.

O que vestir é sempre um desafio à parte, mas você pode ligar para a empresa e tentar obter esta informação.

Por que estamos falando isto?

Por que há empresas e empresa. Há empresas que se você for de terno e gravata você estará causando um sacrilégio, independente da vaga, mas há outras que demandam isto.

Você pode estar pensando que é brincadeira, mas não é não, pois dois anos atrás um de nossos parceiros foi chamado para uma entrevista na GE de Taubaté.

A vaga era de “Gerente de Melhoria Contínua”, e ele estava certo de que terno e gravata era o mais adequado para a entrevista, segundo fontes intermináveis de RH.

Na dúvida ligou e conversou com o RH da empresa para entender o ambiente e principalmente a formalidade. E advinha a resposta: “…olha aqui é calça jeans, camisa polo e bota de ponta de aço, não tem roupa social não……, social é só no escritório central……”.

Sendo assim, faça uma pesquisa antes de decidir o que usará.

 

3) Dominar você mesmo 

Você acha que se conhece, mas não é verdade, pois não é fácil falar para alguém quem você é, e o que você já fez, não é mesmo!? 

Vamos lhe ajudar nesta atividade:

  • Faça uma breve descrição de quem é você:

    • Onde se formou, histórico de empresas e cargos, habilidades
    • Diga para o entrevistador como o que você acabou de relatar está conectado com a vaga ou com a empresa.
  •  Conquistas:

    • Prêmios e entregas concretas são as preferidas.
    • Diga para o entrevistador como o que você acabou de relatar está conectado com a vaga ou com a empresa.
  • Alertas:

    • Caso você seja tenha histórico profissional “não relate nada sobre sua vida pessoal”.
    • Caso esteja iniciando a vida profissional, você deve usar atividades do seu cotidiano que mostram seu potencial para a vaga e para a empresa.

 

4) Pontos fortes e em desenvolvimento

Antes de elencar no que você é bom, relembre o que é pedido na vaga, pois lhe ajudará a verificar se o que você tem cobre cada aspecto da posição, ou a maior parte.

Para fazer isto você tem que descrever seus aspectos positivos com fatos e dados que o comprovem.

Exemplo:

Vaga Analista de Processos – requisitos: liderança, conhecimento em lean six sigma, desenvolvimento de projetos, etc.

Pontos fortes:

Entrega de resultados: projeto Green Belt desenvolvido na empresa XYZ para ganho de 30% em produtividade, liderei a equipe e obtivemos retorno de R$1 milhão. Prêmio concedido por gerente xyz.

Veja na figura abaixo como há uma relação entre o que a vaga pede e os pontos fortes.

Exemplo de Preparação
GRADUS, 2018

Com relação aos pontos a desenvolver, você deve elencar 2 no máximo, mas descrever que já os está tratando ou já tem um plano para trata-los.

Não se engane, neste item menos é mais, ou seja, seja firme e sucinto.

 

5) Por que deveríamos contratar você?

O entrevistador está procurando saber se você realmente captou o que a empresa deseja da vaga, e se o seu conhecimento de si mesmo se encaixa com o que se espera do cargo.

Além disso, ele tem que ter certeza de que você possui liderança, resistência, flexibilidade, experiência e motivação para preencher o que se pede.

Pense também no diferencial que você tem, algo que ninguém mais tem, algo que destaca você da multidão, algo que impressione o recrutador a ponto dele entender que você é melhor que os outros para esta atividade.

 

Importância da Preparação
profissaojornalista.blogspo, 2012

 

Sugestões:

  • Escreva um roteiro antes, ou seja, para cada pergunta potencial do entrevistador você tem que ter uma excelente resposta.
  • Assim que tiver o roteiro “escrito” treine sozinho, olhe no espelho, isso mesmo, olhe no espelho enquanto responde, e veja como você se sai.
  • Depois que estiver dominado o espelho, treine com um amigo (a), várias, várias, várias vezes, corrija, treine…. até as respostas saírem naturalmente …. entendeu?!
  • Lembre-se, você tem que ser sincero e honesto.

Na verdade, o que você e o seu entrevistador estão jogando é um jogo de xadrez!

Não sabe jogar xadrez. Tudo bem, um jogo de damas. Também não sabe, então veja o que queremos dizer:

Não se esqueça de que você, o entrevistado, é o vendedor, e o entrevistador é o comprador, que como tal tem muitos outros fornecedores disponíveis.

Você pode falar assim: “…eu não sou não!!!”, mas sentimos em lhe informar que você é sim, um ótimo vendedor de habilidades e soluções para um comprador que as necessita.

Sucesso!

 

entrevista
entrevista

 

Comente

Seu endereço de e-mail não será publicado.