Como você saber o que é Lean?

Ter sucesso na implementação implica estabelecer uma Cultura Lean em que os métodos e ferramentas se tornem parte natural da organização.

Mais importante do que implementar 5S ou reunir algumas células em forma de U, o Lean é um esforço contínuo para eliminar o desperdício em todos os aspectos do negócio através e com pessoas.

O Lean pode economizar dinheiro e melhorar os processos, mas idealmente também deve dar às pessoas mais controle sobre seu trabalho. Isso ajuda os representantes do serviço ao cliente a evitar chamadas de telefone irritadas, os vendedores de terem que explicar os problemas, e o departamento de expedição se apressar como louco para completar seu trabalho.

 Em resumo, a vida fica mais fácil para todos.

O grande poder do lean é dar a grande maioria das pessoas a propriedade e controle do que fazem, assim cria-se senso de comprometimento com o processo e produtos, e mais ainda, cria-se uma mentalidade de melhorar continuamente a cada dia.

Lean Manufacturing existe há mais de vinte e cinco anos, quando o livro “Lean Thinking” de James Womack e Daniel Jones foi publicado em 1990. Então as ideias não são novidades, mas o escopo do lean expandiu-se, e o pensamento em torno dele mudou. Lean chegou além do chão da fábrica para hospitais, governo e serviços.

Embora a taxa de falha de implementações lean tenha sido descrita como 80%, isso pode ser devido à dificuldade em sustentar uma grande mudança em uma organização. Ele oferece ferramentas como 5S, eventos kaizen e produção just-in-time, mas os especialistas dizem que os principais benefícios de lean são os efeitos que podem ter sobre as pessoas.

 Pode transformar um negócio, mas leva tempo, e deve ser encarada como uma jornada.

O caminho certo é olhar para isso como uma mudança de cultura. As empresas tendem a ficar focadas no aspecto de economia de custos e entrega da produção.

Lean, obviamente, ajuda nesta perspectiva, mas o lean é mais do que isso, é o que torna uma empresa mais eficiente e fornece mais valor ao cliente.

Você para de fazer coisas que não agregam valor ao cliente. E você faz as coisas que eles vão pagar melhor.

O apoio da alta liderança precisa acontecer desde o início do Lean, e nota-se que as empresas mais bem-sucedidas, não só apoiam, mas estão ativamente comprometidas com o processo, pois veem e participam do que as pessoas fazem no chão de fábrica todos os dias.

Lean é sobre o respeito pelas pessoas, e a melhor maneira de mostrar isto é passar o tempo com elas.

Quando você pensa Lean, você pode pensar na Toyota, onde os trabalhadores do chão da fábrica até o topo estão comprometidos com a melhoria contínua, e os trabalhadores não vão para a empresa somente para trabalhar, mas sim para pensar.

Primeiro, eles se concentram no básico e aprendem a fazer o trabalho bem. A ideia de melhoria contínua não faz sentido a menos que você tenha dominado o trabalho. Não há muita ênfase inicial na melhoria, é só depois de alguém dominar um trabalho que eles estão em posição para falar sobre torná-lo melhor.

Lean é uma jornada vitalícia para as empresas, um processo que mudará para melhor todos os aspectos do negócio, através de pessoas bem treinadas, respeitadas e engajadas em métodos e ferramentas.